domingo, 30 de março de 2014

Sugestão SDE - Comunicação com os leitores



Viva pessoal,

Partilho convosco uma mensagem que deixei na página do facebook da SDE, penso que foi algo que era a referência da Editora mas que atualmente e de forma estranha deixou de acontecer, o que lamento.

É a minha opinião, considero importante as pessoas manifestarem as suas opiniões, sejam elas contra ou a favor da minha e espero que a Editora volte ao que já foi :)

Podem comentar quer no blog quer na página da SDE aqui



Venho desta forma deixar uma sugestão à Editora.

Não tenho a menor duvida que a Editora o que mais deseja seja vender bem e que os seus leitores se sintam satisfeitos.

Tenho acompanhado a evolução da Editora ao longo dos anos e penso que a COMUNICAÇÃO com os leitores que em tempos foi, para mim, uma das mais valias da Editora, a sua imagem de marca mesmo, tem com estas mudanças de plataformas de informação vindo a mudar.

Compreendo que uma revisão (não falo de traduções pois não leio nas versões originais) menos bem conseguida possa acontecer.

Nunca entendi bem os motivos da divisão dos livros, onde tenho as minhas mais sinceras duvidas que traga mais leitores às sagas / livros. Acredito que faça com que cada vez mais as pessoas esperem por packs, mas são estratégias que a Editora lá entende serem as melhores, está certo.

Compreendo que fase as circunstancias do mercado muitas sejam as sagas que fiquem a meio e dando como exemplo apenas da coleção BANG que é a que mais gosto, são já muitos que estão a ficar par trás deixando obviamente os leitores insatisfeitos ( Douglas Adams, Frank Herbert - assumido que iriam publicar 3 livros -, Fritz Leiber, Peake, Moorcock, Scott Lynch - sempre assumiram que apenas iam publicar apenas o 1º volume, embora me entristeça - entre outros que deixaram, aparentemente de publicar como  Jacqueline Carey e a Robin Hobb por exemplo) e nem falo dos Romances Históricos que são muitos deles do melhor que já li, como as aventuras de Flashman e a serie Asteca e claro de outras chancelas, mas compreendo que possam estar a vender menos bem, digamos assim.

Embora possa dar uma imagem menos positiva, a sucessiva alteração de publicações de lançamentos previstos e anunciados para determinadas datas que estão a ser com alguma regularidade alteradas sem data prevista de lançamento, tem a minha compreensão pois são muitas as circunstâncias que podem fazer com que isso aconteça, tudo bem.

Agora a forma como estão a comunicar com os leitores nos locais oficiais como é o caso da página do Facebook, onde os seus leitores lhes perguntam sobre determinado escritor, o que está previsto para o mês seguinte sendo que a uns respondem e a outros não, não posso concordar. 

Que a aposta noutros mercados como é o caso do Brasil possa ser prioritário e a tirar imenso tempo à Editora, até compreendo, mas responder a uns e não responder a outros penso que não fica bem, pois repito é um local oficial da Editora.

Que não respondam a todos, compreendo, embora só fique bem responderem ao máximo de leitores, mas nós que somos os clientes e leitores dos vossos livros merecemos uma COMUNICAÇÃO mais assertiva, não conseguem responder no dia, respondem passado uma semana, mas respondam ou então assumam qual a estratégia de comunicação atual, até para os clientes / leitores saberem onde e como se dirigirem.

E para que fique claro a todos os que possam ver esta sugestão como algo negativo, tenho parceria com a Editora, quem me conhece sabe que defendo a Editora sempre, mas também tenho o direito de criticar algumas coisas que acho menos bem e que sinto serem possíveis melhorar.

39 comentários:

  1. Acho que eu não diria melhor por outras palavras, foste a voz de muitos que nada dizem que não se querem chatear mt com isto! "tipo eu" .
    Mas foste conciso e directo ao assunto, desde a parte dos livros partidos em 2, nao aposta em continuação de edição em bons escritores "tipo Lynch" e valorizarem mt agora o mercado brasileiro e esquecerem o portugues a base do seu crescimento e fama...
    Pode ser que isto se comece depois a notar mais nas vendas feitas na SdE em Portugal antes e agora...
    Pois lembrem-se se a SdE é o que é hoje se deve mt aki aos tugas e as suas compras e não ao mercado brasileiro, mas enfim como se diz cada um traça seu destino e a SdE está a traçar o dela!
    Seja apoio tudo o que nosso amigo Fiacha O Corvo Negro disse sem dúvida, pois sou um leitor e comprador da SdE bem nota-se de 5 para 1 pelos livros k tenho em casa da SdE, e das demais e isso da-me o direito de tb opinar igual aqui ao Fiacha!
    Obrigado SdE por tudo feito até hoje mas acho que devem ponderar pelo que aqui está escrito neste texto do Fiacha e dos seus apoiantes e leitores da SdE tipo eu desde inicio quase!

    Obrigado

    Nuno Mateus "Kratos"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Nuno :)

      Aqui deixo a resposta que te deixei na página da SDE:

      "Obrigado Nuno Mateus sinto que este post já fez sentido pois pelo menos tenho a tua compreensão, apenas peço que a editora trate os seus leitores / clientes da forma que já o fez, se não for essa a estratégia, que temos que respeitar, ao menos informem, para não andarmos aqui a fazer papel de chatinhos :)

      Só queremos saber as novidades dos nossos escritores favoritos ;)

      Abraço e obrigado pelo apoio :)

      Eliminar
  2. Olá meu amigo,

    Realmente acho que tens razão a editora de há uns tempos para cá tem vindo a decair no contacto com os leitores e a deixar muitas pessoas insatisfeitas, coisas que não era costume. Era uma editora que editava livro de qualidade e agora desde que passou a publicar no Brasil, aprece que se esqueceu que nós aqui em Portugal é que lhe fizemos fama e o bom nome, mas parece que comeram muito queijo e depois esqueceram-se.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Angelina,

      Não sabes o que me custou fazer esta mensagem, as pessoas com quem comunico na Editora são IMPECÁVEIS, mas apenas estou a dar uma sugestão para algo que hoje em dia é muito importante a comunicação e nesse aspeto penso que as coisas tem piorado, até pode ser deliberado, mas ao menos informem os leitores de como devemos saber das novidades dos escritores que tanto gostamos ;)

      Bjs e obrigado por compreenderes ;)

      Eliminar
  3. A SdE tem vindo a cair na minha consideração, como bem sabes, e já não é de agora. A grande implicância que tenho com a editora prende-se mais com as qualidades das traduções. Reclamei e voltei a reclamar (e quem diz eu, diz N pessoas que não estão para pagar 17€ ou mais por livros com traduções duvidosas) e adivinha? Entrou por um ouvido, saiu por outro. As traduções eram uma porcaria há 4/5 anos atrás e continham a ser hoje em dia!
    Mas lá está, antes ao menos tinham a dignidade de responder ... pelo menos à grande maioria... mas agora o foco deles é outro: o Brasil

    Não tenho parceria com a SdE e de momento não estou interessada em ter. De mim só levam €€ para duas autoras e é porque já tenho grande parte da colecção assim e porque a minha mami só lê em PT, por que senão por mim eles estavam *asneira da grossa* :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva :)

      A nível de traduções não sei comentar, pois apenas leio na versão portuguesa, mas a nível de revisão há coisas infelizes, mas verdade seja dita que esse trabalho é pago pela Editora, quem o faz é que devia ter o mínimo de dignidade :)

      O que me tem custado a ver e penso que não devo ser o único é a forma como tem comunicado com os seus leitores / clientes em especial no FB, é que se respondem a uns....terão que responder a todos, nem que demore, exceto se estiver a repetir, mas ainda assim nem ficava mal.

      Pois o Brasil é prioritário, mas nos tambem somos seus leitores ora essa ;)

      Tenho muito orgulho da parceria com a SDE e estou plenamente satisfeito, se a perder, paciência, ao menos tentei ser construtivo e comentei algo que não me estava a agradar, estou no direito, penso :)

      Bjs

      Eliminar
  4. Confesso que há bastante tempo que não pego numa novidade da editora, mas isso prende-se sobretudo a que outras leituras têm-me chamado mais a atenção (gostos pessoais). No entanto, é verdade que a divisão dos livros é um grande obstáculo, principalmente aliada aos preços. Das traduções não posso opinar porque não tenho termos de comparação...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva José,

      Mas pronto a divisão de livros é uma estratégia, que como referi, não ache que seja benéfica, mas a comunicação nos dias de hoje é muito importante, foi nesse sentido que coloquei a mensagem :)

      Abraço

      Eliminar
  5. A SDE tem lançado bons livros e tem feito um trabalho extraordinário, mas é de facto complicado a editar apenas o primeiro volume de uma saga, por exemplo.
    Porque será? E concordo com o Nuno, foste a voz silenciada de muitos ou voz que ainda se fez ouvir :D
    Todos gostaríamos de ser esclarecidos.
    Obrigado por partilhares Fiacha :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva,

      A intenção é ser contrutivo e que a Editora, mesmo que fique cansada, esclareça os seus leitores, penso termos esse direito e se verificares na página deles a uns respondem a outros não, penso que é mau ;)

      Bjs

      Eliminar
  6. Olá Fiacha!

    Aqui deixo a minha resposta ao teu post no Facebook da Editora. Esta resposta é mais para eles do que para ti, como compreendes.

    Sou completamente a favor do que o Fiacha disse. Também já comentei outros posts com estes temas e a minha ideia mantém-se sempre a mesma.

    Acho que a atitude da editora não está a ser a mais correta. Os leitores não merecem ficar sem resposta. Os livros são muito caros e os leitores dão lucro a editora. Não se compreende o porque de ficarem sem resposta.

    A publicidade dos livros não e a melhor, as comparações que fazem para ganharem compradores não é a melhor, a qualidade literária já não e que era. O facto dos livros serem divididos é mau. Se o livro sai com 1000 paginas, para quê dividir em dois? Se é pelo mito dos leitores terem receio de livros grandes…esqueçam. É com a carteira dos portugueses que se está a jogar. Dois livros por 19 euros, enquanto que podia ser vinte por um? Por exemplo, os livros das Crónicas de Gelo e Fogo, em inglês... tem o livro no seu total e custam muito menos de que apenas uma metade cá. Onde estão os autores que tinham tanto orgulho em publicar? Apareceram outros que dão mais lucro. Mas então, e os leitores que seguiam os autores que antes eram publicados? Ficam sem ler? Têm de se virar para o que agora dá lucro? Desde quando é que o que dá lucro é melhor? Compreendo que a Editora tenha de ter lucro e por isso aposte nesses livros... mas então podia publicar os que dão lucro e aqueles que são realmente bons. Ficava equilibrado e todos saiam contentes.

    Penso que a política da Editora mudou bastante ao longo dos anos e essa mudança devia ser revista, pois os leitores estão insatisfeitos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva,

      É esse o objetvo que a Editora perceba que nem todas as suas opções são as melhores em especial dar mais atenção à comunicação que faz com os seus leitores, afinal somos os seus clientes :)

      Espero que ajude, mas pronto vamos ver ;)

      Bjs

      Eliminar
  7. Pois bem, acho que fizeste muito bem em fazer este texto. Subscrevo-o na íntegra. Acho que a atitude da editora está incorreta e que já é tempo de mudar. Ficamos sem resposta, não podemos ler as nossas histórias favoritas...

    Sempre que vou às lojas de livros só encontro literatura erótica como novidades da Editora. Nada contra, apesar de não ser fã, mas já enjoa. Ao menos, que publiquem de tudo. Contam-se pelos dedos as novidades com outros conteúdos. E depois, são caros. Com as divisões dos livros então... mais vale esperar por packs. No entanto, podem nunca aparecer. Os do Feist (do Corsário do Rei e do seu anterior) comprei em pack. Cada um por cerca de 19 euros é um abuso. Agora estou a pensar comprar o pack do Mistério de Charles Dickens, porque os dois livros sozinhos são muito caros. Há vários livros da Editora que eu tenho vindo a deixar para trás por causa disso. O Terror, de Dan Simmons, está a vinte e tal euros. Um livro! Não se admite! As outras editoras têm livros mais baratos, apesar de não serem muito baratos.

    A diferença proposta pela Editora quando apareceu já foi esquecida... a Editora mudou muito. Para pior. Espero que reveja as suas políticas, porque, é uma pena. É das melhores editoras, a que tinha livros mais interessantes, uma lufada de ar fresco para os leitores e está a ser ultrapassada por muitas outras que estão a apostar na Fantasia. Penso que a SdE já não é a maior editora deste género (ou a chancela da Bang, para ser mais correta).

    Beijinhos =)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois novamente,

      Obrigado assim fico mais descansado ao fazer a mensagem, pois não sou o único a pensar assim e penso que a Editora pode estar atualmente sem capacidade de resposta, vamos ver o que responde para se perceber melhor.

      Por acaso ainda penso que é a melhor Editora, falha em algumas coisas e em especial na comunicação, mas pode ser estrategia, mas se for ok, diga ;)

      Eliminar
  8. Amigo não podia concordar mais plenamente contigo. Obrigada pelo teu comentário. Espero que se não tiver resposta ao menos que a editora pense nisso. Há muita gente insatisfeita o que não é bom.
    Já demonstrei o meu desagrado imensas vezes quanto a divisão dos livros (não tem jeito nenhum). Deixarem de editar escritores de que já estávamos habituados e com imensas expectativas é o cúmulo. Não comunicarem com o leitor? Bem acho que é mau mesmo mau.
    Espero que este teu comentário tenha algum efeito. Ou então será mais um entre muitos em que nós debatemos e não há a mais pequena resposta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amiga lince,

      Penso que pelo que está a ser comentado já está a ter algum efeito, agora só espero que a Editora veja como algo construtivo, acredito que tenha essa capacidade, afinal somos os seus leitores :)

      Bjs

      Eliminar
  9. Boas Fiacha.

    Sou da mesma opinião. A imagem de marca da editora sem duvida que era a comunicação e a qualidade literária que davam aos seus leitores.

    Deixaram de comunicar e de dar boas leituras aos seus fãs. Mas continuam abusar nas divisões (quando olho para o Tigana nem sei o que pense).

    Percebo que começar num novo mercado seja difícil, mas sinceramente, parece que fomos esquecidos.

    O site Bang! tantas promessas e vai-se haver não trouxe nada de novo. Alias é quase como o forum, anda as moscas.

    Eu tenho pena de a editora ter chegado a estes ponto. Mais de metade dos meus livros tem o selo da SdE/colecção bang!.

    A sorte deles é o meu inglês ainda não ser 100% (detesto ler um livro e não perceber algumas palavras) senão já nem lhes comprava nada. Alias desde Janeiro que não lhes compro nada. A verdade é que não existe até ao momento nada que me faça gastar dinheiro neles.

    A LeYa bem que podia começar apostar mais em PT como aposta no Brasil. Mas parece que fomos esquecidos.

    Tenho pena que a SdE tenho tomado atitudes radicais sobre a colecção Bang!, pode ser que esteja enganado, mas só espero que o futuro deles não seja como a colecção Argonauta.

    Excelente critica.

    Abraço

    [by Finisterra]

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Finisterra,

      A intenção foi ajudar e chamar a atenção da Editora, espero que compreendam e mudem, ou pelo menos expliquem para que os seus leitores possam saber como saber de novidades.

      Ainda bem que compreendes e concordas :)

      Abraço

      Eliminar
  10. (repetindo também o meu post no facebook, que o tempo não dá para mais)

    Concordo com tudo o que já foi dito.
    Também tenho dezenas de livros da SdE - nos últimos anos tem sido o meu "alvo" favorito, sobretudo a coleção Bang! - mas a qualidade tem-se vindo a perder: o adiamento das publicações, as gralhas nos livros, a falta de comunicação, e, obviamente, as divisões.
    Sim, essa do "Tigana" matou-me, assim como eram totalmente desnecessárias outras divisões como n' "O Terror".
    Confesso que se não fosse o excelente trabalho do Fiacha O Corvo Negro (que conhece os meus gostos), na divulgação dos livros, eu não gastava mais um tostão.
    Ainda este fim de semana comprei 3 livros da SdE, mas porque tinha cartões oferta da FNAC dos meus anos ainda por gastar e havia os 20% de promoção. E o "Mistério de Charles Dickens", que foi muito recomendado, vinha em pack.
    Senão, tão cedo não compraria nada da editora, o que, para quem era fã assumida, é uma pena. :(

    Cumprimentos,
    Paula

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois amiga Stark,

      Espero que a Editora reconsidere e volte pelo menos a comunicar com os leitores como já o fez ;)

      Excelente compra sem duvida :D

      Bjs e obrigado pela compreensão ;)

      Eliminar
  11. Olá Fiacha, também já deixei a minha mensagem de apoio no FB.
    Não tens de te melindrar por isto, acho muito bem que digas o que te vai na alma e como vês, não és o único. Há mais gente a pensar e a querer dizer o mesmo.
    Creio que o último produto que consumi desta Editora, foi "a última" prestação das Crónicas de Gelo e Fogo" (Os reinos do caos)
    Tenho por aqui o "Acácia" para ler à uma eternidade e nunca lhe peguei.
    Sinceramente a marca SDE a mim não me diz nada, já gostei mais do género... mas acho que aqueles que consomem o produto e gastam o seu dinheiro, merecem um pouco mais de consideração por parte desta editora, que ainda à pouco tempo era uma uma editora-zeca de trazer por casa, que não teve medo em arriscar, mas que agora com um mercado além-mar e apenas com a imagem dos cifrões, se aburguesou de tal forma, que nem um barda-merda é capaz de dizer.
    Mas cada um colhe o que semeia... lembro-me assim de repente da D. Quixote e da Europa América que andam nas ruas da amargura ou então das daquelas que cantavam de galo serem engolidas pela gigante Leya, que edita alguns dos livros da SDE no Brasil sem ser ás prestações.
    Os grandes castelos demoram muito a construir, mas é um instante enquanto caiem.
    Espero que os Senhores da SDE, pensem um pouco que esta onda de insatisfação que agora levanta apenas 10 ou 20 vozes, se pode tornar num pesadelo.
    Aconteceu algo similar com a DIfel e essa já se finou.... e tinha um catálogo que a SDE nunca terá.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Nuno,

      A SDE tem muita coisa alem da coleção BANG, alias o Cornwell, tal como a MZB vem da Difel, mas pronto associamos a SDE a fantasia.

      O importante é que a Editora não esqueça os seus leitores, pois a comunicação nos dias de hoje é determinante ;)

      Abraço e obrigado ;)

      Eliminar
  12. Pela minha parte, nem falo da SdE por muitas e variadas razões. Vocês, pequenada, já sabem porque não compro livros em português, e muito menos o tipo de fantasia infando pueril que se publica por aí. Apenas apareço para vos lembrar que a colecção 1001 Mundos acabou por republicar a GUERRA ETERNA do Joe Haldeman, desta feita com tradução minha. Talvez seja o derradeiro livro de FC que se publica (ou republica) em Portugal, para minha grande tristeza. De qualquer modo é uma das obras mais marcantes do género e orgulho-me de o ter traduzido porque conheci pessoalmente o seu autor. A sério, mesmo que não estejam habituados (as) a ler FC, arrisquem. Pelo menos para terem uma pálida ideia do que se perdeu, nestes últimos anos, nas edições de "género" em portugal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva João,

      Registado, alias já estava ;)

      Abraço

      Eliminar
  13. Palavras para quê? O Amigo Fiacha e todos os outros já disseram (quase) tudo. Falta saber se a editora ouviu.

    ResponderEliminar
  14. Viva Marco,

    Penso que deves entender muito bem o que quis dizer, já acompanhamos a Editora à imenso tempo ;)

    Abraço

    ResponderEliminar
  15. Oi Fi,
    Não tenho muito o q falar, pois vim a conhecer a Editora SDE por vc´s de Portugal, não conheço a história da editora para dar uma opinião, se ela caiu na qualidade, só lamento, mas até agora, não vi ninguém aqui do Brasil reclamando sobre a Editora citada! :P

    Abraços!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois Amanda,

      Tirando a divisão do Tigana rsrsrs, mas assim continue sempre ;)

      Bjs

      Eliminar
  16. Olá amigo Fiacha,

    A verdade é que concordo contigo… infelizmente (não por ser da tua opinião… mas por as coisas terem chegado, de facto, a este ponto). Como a maioria das pessoas que responderam à tua crítica, mais de metade da minha biblioteca tem a chancela Bang!… é com muita pena minha que me vejo a comprar cada vez menos e menos livros da SdE… editora que ultimamente era o meu alvo… Sempre que ia à feira do livro, a SdE era sempre um dos meus dois objectivos… só ia à Feira do Livro por causa de duas editoras… é com muita pena minha que desde o ano passado que não compro nada da SdE… a principal razão prende-se ao facto dos livros estarem muito caros… já para não falar das divisões que têm sido tão criticadas…

    Tenho pena das coisas com a editora já não serem as mesmas… adorava passear pelo fórum Bang! para dar uma olhada nas novidades e no que havia de críticas aos livros novos… é com tristeza que vejo o fórum quase abandonado, como mencionou Finisterra e muito bem… neste momento, não fosses tu Fiacha, nem teríamos mais novidades pelo fórum… e por lá deixou de haver comunicação quase que por completo com a editora… eu não tenho facebook (por escolha pessoal, certamente) pelo que a comunicação entre mim e a SdE deixou de existir, com muita pena minha…

    Esperemos que os próximos dias tragam uma resposta à tua mensagem Fiacha… e que seja uma que agrade aos leitores…

    Beijinhos e obrigada por exprimires o que todos pensamos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amiga (saudades de te ver aqui eehehe e os golfinhos continuam a ser comentados :D )

      Logo respondo melhor ao teu comentário mas a Editora já respondeu, como não tens FB aqui fica:

      "Boa tarde a todos,

      Agradecemos desde já a preocupação na colocação das várias questões por todos, é fundamental essa ação fervorosa por parte dos nossos leitores é ela, em parte, nos ajuda melhorar.
      As mesmas vão ser respondidas assim, amanhã, pelo editor Luís Corte-Real, aqui mesmo.

      Atentamente"

      Bjs

      Eliminar
  17. Concordo plenamente, Fiacha.

    Em todo o caso, se começarem a perder leitores, o pior é mesmo para eles. Antes comprava livros maioritariamente da Presença - "Via Láctea". Depois veio a Bang e comecei a virar-me mais para a SdE. Mas se a editora começar a inclinar-se para outras "bandas", infelizmente terei de lhes dizer adeus. Talvez a editora perca mais do que eu, já que os livros podem ser adquiridos em inglês e até são mais baratos nessas versões.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Leto,

      Parece que valeu a pena, amanha o Corte Real responde, só têm a ganhar ;)

      Bjs

      Eliminar
  18. Não podia estar mais de acordo. Os leitores têm de estar em primeiro lugar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois Maria,

      Sem duvida, parece que valeu a pena :)

      bjs e obrigado

      Eliminar
  19. Concordo plenamente contigo!! E a parceria não deve, de modo algum, abalar a sinceridade e a integridade de quem escreve... se há coisas a melhorar, nada melhor do que chamar a atenção para isso mesmo. Por acaso esta é uma das editoras que mais valorizo, pelas obras que disponibiliza.. mas já encontrei algumas revisões muito más... quanto a traduções não sei, uma vez que só agora comecei com as leituras em inglês.
    Percebo perfeitamente que procurem apostar no mercado brasileiro... significa um lucro maior, uma vez que a comunidades de leitores também é muito maior do que nós. Mas não se podem esquecer dos que cá estão... Hoje em dia as redes sociais permitem uma maior divulgação de informação, pelo que se deve ter um pouco de cuidado com o tratamento que se dá ao público. Fico triste com estas situações... acho uma falta de respeito :(

    * maryredhair *

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva mary,

      Sim mas ficamos sempre um pouco com algum receio que a sugestão possa cair mal, para que ninguem tenha duvidas a SDE trata-me MUITO BEM não tenho a menor queixa, pelo contrario e foi a pensar na pessoa que é responsável pelas parcerias com os bloguers que me custou a fazer a sugestão, mas no fundo e para eles melhorarem e segundo parece teremos novidades amanha, se necessário depois partilho ou faço uma nova mensagem :)

      Obrigado pelo apoio e compreensão :)

      Bjs

      Eliminar
    2. Ninguém tem nada que levar a mal qd a critica é construtiva e "profissional". Trata-se de melhorar e não de "lavar roupa suja". Acredito que seja uma editora impecável... :) mas se for possível aperfeiçoar algumas coisas, será ainda melhor :) espero pelas novidades amanhã :) beijocas

      Eliminar
    3. Sim claro e tem a melhorar coisas sim pelo menos assim espero :)

      Mais uma vez obrigado pelo apoio ;)

      Eliminar
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar